>Games de Outras Épocas – Parte 6

>

Olha o aviãozinho!

Agora sim, fui fundo no baú. Mas não tem como falar em games clássicos sem citar esse aqui. Afinal de contas, River Raid é referência histórica. Talvez seja o exemplo mais bem acabado de como fazer um jogo simplório, com qualidade gráfica pobre e jogabilidade sem nenhum mistério e, ainda assim passar décadas sendo lembrado por várias gerações – inclusive as que não viveram os tempos em que era uma verdadeira febre. Lembro claramente de fazer altas disputas de pontos com amigos e família nos meus 5, 6 anos de idade. Até minha mãe, que não tinha habilidade nenhuma para esse tipo de coisa, conseguia jogar e se divertia muito.

Criado por Carol Shaw e lançado em 1982 pela Activision, o cartucho para Atari 2600 tornou-se um hit instantâneo. Nunca até então havia se visto um jogo de tiro tão preciso, o que soa como uma piada para os tempos atuais. Com o aviãozinho branco/amarelado (para o Player 1, o do segundo era preto), o objetivo era destruir navios, helicópteros, jatinhos e barreiras, além de abastecer a nave sempre que encontrasse os recipientes de combustível. A cada fase que se passava o nível de dificuldade aumentava, com caminhos mais estreitos e inimigos mais rápidos.

Um mistério que persistiu por anos era se havia um final para o game. Na “era romântica” era bem mais fácil espalhar uma lenda, então várias versões pipocavam mundo afora. A mais famosa era de que o avião pousava em um aeroporto quando completava a missão. Lorota das bravas, obviamente. Hoje um encerramento ficou conhecido graças à internet. Real? Farsa? Enfim, o que se sabe é que ele convenceu muita gente e não foi desmentido. Hoje, River Raid é encontrado facilmente para download em vários formatos e remakes. Pode parecer ruim para quem quer “perfumaria”, mas sempre é uma boa pedida.

Curiosidades (fonte: Arcade Total)

Houve uma continuação do jogo, River Raid II, porém nunca obteve o sucesso do primeiro jogo.

No início foi cogitado a idéia de controlar um barco ao invés de um avião;

Foi o primeiro jogo a ser proibido na Alemanha, em 1984, pois eles alegavam que poderia desenvolver violência nas crianças, ficando proibido até 2002;

Carol Shaw gostaria que o jogo acontecesse no espaço, o que foi rejeitado pela Activision, que achava que este tipo de idéia já estava bastante saturada devido a diversos jogos com essa idéia.

Esse post foi publicado em Games de Outras Épocas e marcado , por Igor Miranda. Guardar link permanente.

Sobre Igor Miranda

http://www.vandohalen.com.br/